Navegação"Notícias"

Como escolher seus óculos de sol? – Veja entrevista Dr. Cláudio Lottenberg

20 mar 2014 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Notícias

0009800591D-565x849

Você sabe como escolher seus óculos de sol? Geralmente o que observamos é o modelo e a marca. Mas será que é só isso mesmo?

Não! Devemos pensar na proteção que esses óculos devem proporcionar aos nossos olhos, para isto, a Veja entrevistou o Dr. Cláudio Lottenberg da Clínica de Oftalmologia Lotten Eyes para melhor esclarecimento do que devemos nos atentar na hora de escolher nossos óculos de sol. Vale a pena conferir:

http://veja.abril.com.br/blog/estetica-saude/corpo/como-escolher-seus-oculos-de-sol/

Cirurgia de Catarata a Laser

27 jan 2014 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Catarata, Notícias

Estamos vivendo hoje a era das cirurgias de catarata a laser; este novo avanço tecnológico utiliza um laser de alta precisão para auxiliar na extração da catarata. A Cirurgia de catarata a laser oferece enormes avanços tornando-se substancialmente diferente quando comparada com a cirurgia de catarata tradicional. Esta abordagem sem bisturi torna a cirurgia de catarata um processo de refração proporcionando aos pacientes excelentes resultados visuais e refrativos, tudo em um tratamento e tornando-se menos dependente de seus óculos.

Além disso, a alta precisão, previsibilidade e reprodutibilidade da cirurgia de catarata a laser faz com que esta intervenção cirúrgica seja mais segura evitando desta forma uma série de possíveis complicações.

As vantagens da utilização de um laser para eliminar a catarata incluem a capacidade de utilizar as fibras ópticas com um diâmetro menor do que as sondas de ultra-sons típicos e energia direta precisamente no tecido-alvo por meio suave e sem corte.

Teoricamente, o uso de um laser em comparação com a facoemulsificação:

• reduz o calor e vibração na ferida e nos olhos

• diminui a chance de ruptura capsular

• requer incisões menores

• permite uma recuperação mais rápida

Técnicas de facoemulsificação são passíveis de complicações que ameaçam a visão. As possíveis complicações relacionadas com facoemulsificação incluem queimadura da córnea ou esclera, trauma da íris, a ruptura da cápsula posterior, a perda de fluido vítreo e edema macular cistóide e astigmatismo induzido.

Com as lentes intraoculares multifocais o paciente operado de catarata volta a sua situação de jovem, antes da presbiopia, pois fica independente dos óculos, tanto pra longe quando para perto.

Você poderá conhecer o procedimento através do vídeo abaixo, comparando a cirurgia de catarata a laser com a cirurgia convencional de catarata:

A Lotten Eyes já tem este moderno equipamento disponível para este tipo de cirurgia, agende já sua consulta em uma de nossas unidades de clínicas oftalmológicas e converse com o seu médico oftalmologista.

Cirurgia de Miopia a Laser – Do Diagnóstico ao Pós-Operatório

22 ago 2013 por Lotten Eyes    2 Comentários    Postado em: Notícias

cirurgia-de-miopia-a-laser

A miopia é um erro de refração que afeta a visão à distância. Além das lentes corretivas, outra alternativa para a correção da visão é a cirurgia de miopia a laser. Entenda como ela funciona:

Primeiramente, para poder realizar a cirurgia de miopia, é necessário que o paciente tenha no mínimo 20 anos de idade, que é quando ocorre a estabilização do grau da miopia. O oftalmologista irá investigar o histórico do paciente e se ele possui alguma doença sistêmica grave, como por exemplo, a diabetes. Caso não encontre nada que o impeça de realizar a cirurgia, serão solicitados alguns exames oculares.

O primeiro exame a ser realizado é a tomografia da córnea. Esse exame irá medir a curvatura e a espessura corneana. A tomografia é o exame pré-operatório mais importante, pois a cirurgia de miopia irá remodelar a córnea através do laser, por isso é indispensável que a córnea do paciente apresente uma espessura adequada para o uso do laser. Será realizado também o exame de mapeamento da retina, avaliação do fundo do olho e um exame oftalmológico básico através de um microscópio. Se o paciente for usuário de lentes de contato, é necessário que suspenda seu uso por uma semana antes da realização da cirurgia de miopia.

Durante o procedimento da cirurgia, o paciente passará por duas salas cirúrgicas.

Na primeira sala cirúrgica, será utilizado o laser Femtosegundo. Ele irá levantar e preparar o disco ocular. Além disso, irá cortar um pedaço de 8,5 cm da córnea. Neste procedimento, o paciente já estará previamente anestesiado com a assepsia feita no rosto. Será colocado um protetor no olho do paciente e com auxilio de uma seringa, será colocado um anel que gera um vácuo no outro olho.

Depois de colocar este anel, será feito o nivelamento da córnea. Saíra um cone do Femtosegundo que entrará no aparato e irá aplanar a córnea. Um feixe de luz será aplicado e originará diversas divisões que facilitarão o levantamento desta região. Todo este processo dura em média 17 segundos. Assim se conclui a etapa na primeira sala.

Na segunda sala, será utilizado um aparelho chamado Excimer, onde se efetuará a correção do grau de miopia. Novamente é pingado o colírio anestésico e através de um programa visualizado em uma tela, o oftalmologista obterá dados precisos do grau de miopia do paciente. Após isso, os olhos serão estabilizados com a aplicação do blefarostato, para impedir que o paciente pisque. O médico oftalmologista irá utilizar o método de aplicação do laser chamado Lasik, que dura em média de 15 a 50 segundos.

Finalmente, após todo esse procedimento, o paciente poderá ir para casa e precisará usar apenas lentes de contato terapêutica e óculos escuros. Deve-se evitar ao máximo vento forte, ar-condicionado, poeira, esportes ao longo de um mês e piscina e praia ao longo de uma semana. Durante 15 dias o paciente precisará utilizar o oclusor para dormir. O objetivo final desta cirurgia é eliminar 100% o grau de miopia, porém isso dependerá da córnea, pois a resposta cicatricial do paciente é que passará essa informação.

Dr. Claudio Lottenberg visita o Papa Bento XVI

23 mai 2012 por Lotten Eyes    1 Comentário     Postado em: Notícias
Foto Dr. Claudio Lottenberg e Papa Bento XVI

Prezados pacientes!

Nesse mês de maio, em visita ao Vaticano, tive a oportunidade de encontrar com sua Santidade, o Papa Bento XVI.

Durante a audiência, entreguei a ele, uma pequena lembrança, em formato de uma mão presa a uma haste que é usada nas leituras da Torá, o velho testamento.

Em minhas palavras ao Papa disse que as tábuas da lei foram escritas com as mãos de Deus e, que esta mão , que ali lhe entregava , tinha este simbolismo, pois usada para leitura da Torá, a qual os católicos se referem como sendo o Primeiro testamento, associava algo que temos em comum entre nós : Deus e o Velho Testamento. Enfatizei ainda que ,catolicos e judeus,  somos todos seres humanos e temos  cada vez estar mais unidos. Sua Santidade expressou um sorriso muito afetuoso , comovente, encantador, algo meio inexplicável e, que me remeteu ao encontro que tive há mais de vinte anos com um Rabino dos mais conhecidos e carismáticos em Nova York, Lubavitch Rebe. Senti proximidade com Deus sendo que desta vez apoiado por um líder que não de minha religião.

Fui educado em uma escola cristã. Nas missas de final de ano, era o único aluno que não se ajoelhava por não ser católico. Portanto, aprendi desde o inicio de minha educação , que era diferente na forma de me relacionar com Deus mas sobretudo aprendi a ser semelhante ao conviver junto a  diversidade que para mim se cristalizou em um sentimento que me permite preservar meus princípios e valores, mas mantendo a interlocução entre os demais como sendo um instrumento de vida. Não sei ou não imagino o que possa ser a vida sem o dialogo e julguei que deveria socializar com todos vocês este momento.

O Brasil é um país que soube como construir um caminho de respeito à diversidade. O entendimento entre os diferentes é o próprio exercício do viver e o sentido da compreensão em relação ao próximo é a própria aceitação do convivio em uma comunidade.

O Papa fez menção ao bom convivio que os católicos mantêm com os judeus na America Latina . Lamentou atos discriminatórios e reconheceu que hoje a própria igreja é alvo de radicalismos que afrontam o direito às escolhas individuais.

O meu desejo ao ouví-lo era de poder compartilhar toda esta energia com todos vocês.

Claudio Lottenberg

Novo Endereço – Unidade da Lotten Eyes no Morumbi e Conceição

16 mar 2012 por Lotten Eyes    4 Comentários    Postado em: Notícias

Novo Endereço: Unidade Morumbi

Avenida Morumbi, 4704

Morumbi, São Paulo – SP

Novo Endereço: Unidade Conceição

Avenida Dr. Hugo Beolchi, 445

Conceição, São Paulo – SP

Fone: (11) 3085-0540

Em 10 minutos cirurgia corrige miopia

16 jan 2012 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Notícias

Dr. Cláudio Lottenberg, oftalmologista e presidente do Hospital Albert Einstein, demonstra as duas técnicas cirúrgicas para correção de grau e discute seus benefícios e riscos.

Fonte: Veja – Saúde

Programa Bem-Estar: Dr Claudio Lottenberg dará entrevista nessa quinta-feira

4 out 2011 por Lotten Eyes    11 Comentários    Postado em: Notícias

O Programa Bem-Estar, da Rede Globo, receberá o Dr. Claudio Lottenberg nesta quinta-feira(06/10) a partir das 10h00.

O Dr. Claudio Lottenberg já esteve outras vezes no programa abordando os principais assuntos relacionados a visão, e dessa vez o tema será sobre a higiene e o cuidado com os olhos que todos devem ter no dia-a-dia. Essas dicas serão de extrema importância para toda a população, pois esses pequenos cuidados podem evitar o surgimento de infecções, entre outros.

Não perca o Programa Bem-Estar desta quinta-feira!

Clínica Oftalmológica Lotten Eyes: sempre próxima de você

3 jun 2011 por Lotten Eyes    6 Comentários    Postado em: Notícias

A Clínica Oftalmológica Lotten Eyes, fundada em 1989, pelo Dr. Claudio Luiz Lottenberg, possui oito unidades espalhadas pela cidade de São Paulo.

Para os pacientes de Perdizes, temos uma Clínica Oftalmológica localizada na Avenida Francisco Matarazzo, 404, conjunto 1002. Já para quem mora na Zona Norte, oferecemos a Unidade Santana, localizada na Rua Alfredo Pujol, 285, conjunto 81.

Dotada de infra-estrutura humana e tecnológica capaz de responder às mais diferentes e complexas doenças oculares, a Lotten Eyes vem ao longo dos anos expandindo suas competências e, ao mesmo tempo, buscando descentralizar seu atendimento, abrangendo as diferentes regiões da cidade de São Paulo.

Contamos com projetos de parceria com diversas empresas, disponibilizando valores e parcelamentos diferenciados em cirurgias e procedimentos.

Nossa equipe está sempre inovando para melhor atender os nossos clientes, colaboradores, fornecedores e parceiros.

Para mais informações, visite o nosso site da Lotten Eyes.

Venha nos conhecer!

Atenciosamente,

Dra. Karen Traiman Coji – Diretora da Unidade Perdizes

Dr. Rodrigo Amaral – Médico responsável da  Unidade Santana

Claudio Lottenberg: uma mensagem do doutor

14 abr 2011 por Lotten Eyes    4 Comentários    Postado em: Notícias

Data: 18/4/2008
É com imenso orgulho e prazer que escrevo pela primeira vez neste espaço. Uma ferramenta destinada a ajudar você, de maneira rápida e descomplicada, a compreender e atualizar-se sobre tudo o que podemos entender sobre esta importante especialidade da medicina chamada oftalmologia.
Durante toda minha vida trabalhei no sentido de ajudar as pessoas a terem uma vida mais saudável, seja através da minha especialidade, oftalmologia, ou através de outras ações que desenvolvo no âmbito pessoal e profissional.
Desde o inicio da minha carreira na área médica, considerei a relação médico-paciente fundamental. Cultivar estas relações entre eu, médico, e meus pacientes, sempre foi objetivo primordial da minha conduta profissional. Obviamente as tarefas do dia-dia nos impedem de realizar na sua plenitude aquilo que considero ideal nesta relação. Felizmente, os avanços tecnológicos nos permitem atingir de maneira superficial uma parte deste objetivo.
Continuo acreditando que o contato pessoal é fundamental. Mas tudo aquilo que podemos fazer no sentido de melhorar sua qualidade de vida e estreitar nossos laços pessoais é extremamente válido. Este espaço foi criado com este intuito.
Desde já agradeço sua atenção.
Forte Abraço,
Cláudio Lottenberg.

Conjuntivite: São Paulo vive surto e fica em alerta

21 mar 2011 por Lotten Eyes    1 Comentário     Postado em: Notícias

A capital paulista está passando por uma epidemia de conjuntivite viral desde o mês passado. De acordo com informações do Centro de Controle de Doenças (CCD) da Prefeitura, em 45 dias foram registrados 50.405 casos da doença na cidade. Mas esse número pode ser ainda maior, já que muitas pessoas não procuram auxílio médico para tratar a conjuntivite. A epidemia foi decretada no Estado de São Paulo depois que surtos foram identificados no interior e se espalharam pelo litoral até chegar à capital. Segundo a Vigilância Epidemiológica do Estado, o surto começou em janeiro deste ano no oeste paulista, se propagou para as regiões litorâneas depois do Carnaval e se transformou em uma epidemia de origem viral.

Para se ter uma ideia da dimensão do problema, o pronto-socorro oftalmológico da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) está atendendo cerca de 400 casos da doença por dia – o esperado eram 60. No Hospital das Clínicas (HC) são ao menos 300 novos casos – o triplo do esperado para o período. Na Santa Casa, cerca de 70% dos 330 atendimentos diários são por causa da conjuntivite. No Beneficência Portuguesa, foram notificados 114 casos nos primeiros 15 dias deste mês.

A conjuntivite é uma doença cuja causa pode ser infecciosa, nesse caso ela costuma ser transmitida por vírus ou bactéria e pode ser contagiosa; alérgica, que costuma ocorrer em pessoas predispostas a alergias (como quem tem rinite ou bronquite, por exemplo), geralmente afetando os dois olhos, e não é contagiosa; e tóxica, que é causada por contato direto com algum agente tóxico, como colírios, produtos de limpeza, fumaça de cigarro, poluição do ar, sabão, sabonetes, spray, maquiagens, cloro e tintas para cabelo.

No caso da conjuntivite contagiosa, a transmissão da doença se dá pelo contato. Assim, estar em ambientes fechados com pessoas infectadas, o uso de objetos contaminados, contato direto com pessoas que estejam com a doença, ou até mesmo pela água da piscina são formas de se contrair a conjuntivite. Os casos desse surto em São Paulo foram associados à forma viral da doença, que é contagiosa e provoca coceira, vermelhidão e uma secreção aquosa nos olhos.

Para se prevenir da conjuntivite, é muito importante lavar as mãos com frequência. Para os que já estão com a doença, é fundamental tomar outros cuidados, como não colocar as mãos nos olhos para evitar a recontaminação e evitar coçá-los para diminuir a irritação na região, lavar as mãos antes e depois de aplicar algum medicamento, não encostar o frasco do medicamento nos olhos, além de suspender o uso de lentes de contato. E é imprescindível também que quem esteja com conjuntivite procure sempre um oftalmologista para o devido diagnóstico e tratamento.

-