Como escolher seus óculos de sol? – Veja entrevista Dr. Cláudio Lottenberg

20 mar 2014 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Notícias

0009800591D-565x849

Você sabe como escolher seus óculos de sol? Geralmente o que observamos é o modelo e a marca. Mas será que é só isso mesmo?

Não! Devemos pensar na proteção que esses óculos devem proporcionar aos nossos olhos, para isto, a Veja entrevistou o Dr. Cláudio Lottenberg da Clínica de Oftalmologia Lotten Eyes para melhor esclarecimento do que devemos nos atentar na hora de escolher nossos óculos de sol. Vale a pena conferir:

http://veja.abril.com.br/blog/estetica-saude/corpo/como-escolher-seus-oculos-de-sol/

Cirurgia de Catarata a Laser

27 jan 2014 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Catarata, Notícias

Estamos vivendo hoje a era das cirurgias de catarata a laser; este novo avanço tecnológico utiliza um laser de alta precisão para auxiliar na extração da catarata. A Cirurgia de catarata a laser oferece enormes avanços tornando-se substancialmente diferente quando comparada com a cirurgia de catarata tradicional. Esta abordagem sem bisturi torna a cirurgia de catarata um processo de refração proporcionando aos pacientes excelentes resultados visuais e refrativos, tudo em um tratamento e tornando-se menos dependente de seus óculos.

Além disso, a alta precisão, previsibilidade e reprodutibilidade da cirurgia de catarata a laser faz com que esta intervenção cirúrgica seja mais segura evitando desta forma uma série de possíveis complicações.

As vantagens da utilização de um laser para eliminar a catarata incluem a capacidade de utilizar as fibras ópticas com um diâmetro menor do que as sondas de ultra-sons típicos e energia direta precisamente no tecido-alvo por meio suave e sem corte.

Teoricamente, o uso de um laser em comparação com a facoemulsificação:

• reduz o calor e vibração na ferida e nos olhos

• diminui a chance de ruptura capsular

• requer incisões menores

• permite uma recuperação mais rápida

Técnicas de facoemulsificação são passíveis de complicações que ameaçam a visão. As possíveis complicações relacionadas com facoemulsificação incluem queimadura da córnea ou esclera, trauma da íris, a ruptura da cápsula posterior, a perda de fluido vítreo e edema macular cistóide e astigmatismo induzido.

Com as lentes intraoculares multifocais o paciente operado de catarata volta a sua situação de jovem, antes da presbiopia, pois fica independente dos óculos, tanto pra longe quando para perto.

Você poderá conhecer o procedimento através do vídeo abaixo, comparando a cirurgia de catarata a laser com a cirurgia convencional de catarata:

A Lotten Eyes já tem este moderno equipamento disponível para este tipo de cirurgia, agende já sua consulta em uma de nossas unidades de clínicas oftalmológicas e converse com o seu médico oftalmologista.

Cirurgia de Miopia a Laser – Do Diagnóstico ao Pós-Operatório

22 ago 2013 por Lotten Eyes    2 Comentários    Postado em: Notícias

cirurgia-de-miopia-a-laser

A miopia é um erro de refração que afeta a visão à distância. Além das lentes corretivas, outra alternativa para a correção da visão é a cirurgia de miopia a laser. Entenda como ela funciona:

Primeiramente, para poder realizar a cirurgia de miopia, é necessário que o paciente tenha no mínimo 20 anos de idade, que é quando ocorre a estabilização do grau da miopia. O oftalmologista irá investigar o histórico do paciente e se ele possui alguma doença sistêmica grave, como por exemplo, a diabetes. Caso não encontre nada que o impeça de realizar a cirurgia, serão solicitados alguns exames oculares.

O primeiro exame a ser realizado é a tomografia da córnea. Esse exame irá medir a curvatura e a espessura corneana. A tomografia é o exame pré-operatório mais importante, pois a cirurgia de miopia irá remodelar a córnea através do laser, por isso é indispensável que a córnea do paciente apresente uma espessura adequada para o uso do laser. Será realizado também o exame de mapeamento da retina, avaliação do fundo do olho e um exame oftalmológico básico através de um microscópio. Se o paciente for usuário de lentes de contato, é necessário que suspenda seu uso por uma semana antes da realização da cirurgia de miopia.

Durante o procedimento da cirurgia, o paciente passará por duas salas cirúrgicas.

Na primeira sala cirúrgica, será utilizado o laser Femtosegundo. Ele irá levantar e preparar o disco ocular. Além disso, irá cortar um pedaço de 8,5 cm da córnea. Neste procedimento, o paciente já estará previamente anestesiado com a assepsia feita no rosto. Será colocado um protetor no olho do paciente e com auxilio de uma seringa, será colocado um anel que gera um vácuo no outro olho.

Depois de colocar este anel, será feito o nivelamento da córnea. Saíra um cone do Femtosegundo que entrará no aparato e irá aplanar a córnea. Um feixe de luz será aplicado e originará diversas divisões que facilitarão o levantamento desta região. Todo este processo dura em média 17 segundos. Assim se conclui a etapa na primeira sala.

Na segunda sala, será utilizado um aparelho chamado Excimer, onde se efetuará a correção do grau de miopia. Novamente é pingado o colírio anestésico e através de um programa visualizado em uma tela, o oftalmologista obterá dados precisos do grau de miopia do paciente. Após isso, os olhos serão estabilizados com a aplicação do blefarostato, para impedir que o paciente pisque. O médico oftalmologista irá utilizar o método de aplicação do laser chamado Lasik, que dura em média de 15 a 50 segundos.

Finalmente, após todo esse procedimento, o paciente poderá ir para casa e precisará usar apenas lentes de contato terapêutica e óculos escuros. Deve-se evitar ao máximo vento forte, ar-condicionado, poeira, esportes ao longo de um mês e piscina e praia ao longo de uma semana. Durante 15 dias o paciente precisará utilizar o oclusor para dormir. O objetivo final desta cirurgia é eliminar 100% o grau de miopia, porém isso dependerá da córnea, pois a resposta cicatricial do paciente é que passará essa informação.

Sal em Excesso Prejudica sua Visão

1 ago 2013 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Catarata

salt

Não é segredo para ninguém que o consumo de sal em excesso faz mal à saúde, mas poucos sabem que este excesso prejudica também a visão. O excesso de sal dificulta a manutenção do baixo nível intracelular de cálcio que é responsável pela transparência das lentes dos olhos.

A catarata é uma doença que atinge praticamente todas as pessoas acima dos 75 anos, pois ela geralmente está relacionada ao envelhecimento, porém, a catarata subcapsular posterior pode aparecer em qualquer idade e seu aparecimento está relacionado com, além do consumo abusivo do sal, traumas, hereditariedade, uso contínuo de corticoides e diabetes.

Este tipo de catarata, assim como a comum, também embaça o cristalino, a diferença é que na catarata subcapsular posterior a opacificação ocorre na parte de trás do cristalino, por este motivo que a aversão à luz é mais intensa.

Para a prevenção desta doença, é importante reduzir o consumo de sal, optando por outros temperos naturais. Evite alimentos industrializados que contenham glutamato de sódio, embutidos e conservas. O consumo de bebida alcoólica e cigarros também devem ser evitados. Consuma mais frutas e vegetais frescos, pois ajudam a adiar o surgimento da doença.

Além disso, nunca deixe de usar os óculos de sol, pois eles protegem os olhos da radiação ultravioleta. Procure também utilizar bonés e chapéus.

O único tratamento para eliminar a doença é a cirurgia de catarata, que é efetuada com sucesso em mais de 95% dos casos.

Fonte: Dieta Já

O Cigarro e os Olhos

29 ago 2012 por Lotten Eyes    Sem Comentários    Postado em: Cuidados com a visão

Um dos melhores investimentos que podemos fazer para nossa saúde é largar ou, melhor ainda, evitar de fumar. E os nossos olhos agradecem. Afinal são mais de 4000 toxinas presentes no cigarro que agem no olho por mecanismos isquêmicos e oxidativos.

Os malefícios do cigarro para o olho já são conhecidos há muito tempo. E quanto mais se fuma, maior a chance de desenvolver catarata, degeneração macular relacionada a idade e glaucoma, doenças essas hoje consideradas as maiores causas de cegueira no mundo.

Mas não para por aí: a fumaça do cigarro é um irritante que piora os sintomas de olho seco não só para para o fumante ativo mas para o passivo também. Isso causa sintomas que vão desde uma leve irritação dos olhos até lacrimejamento excessivo, queimação, prurido, entre outros.

Existem ainda vários indícios que o cigarro pode agravar a Oftalmopatia de Graves, que é uma doença dos olhos relacionada ao hipertireoidismo no qual um ou os dois olhos se projetam anteriormente nas órbitas.

Até as crianças podem ser afetadas pelo cigarro, principalmente pela exposição delas em ambientes onde se fuma (dentro de casa ou do carro, por exemplo). Além do risco de desenvolver a conjuntivite alérgica, as crianças filhas de mães fumantes tem risco maior de desenvolver estrabismo.

Vamos cuidar dos nossos olhos ?

Dr. Luis Paves

Médico Oftalmologista

Pterígio: saiba quais são as causas, os sintomas e as formas de tratamento

28 jun 2012 por Lotten Eyes    5 Comentários    Postado em: Pterígio

Popularmente chamado de “carne crescida” ou equivocadamente chamado de “catarata”, o Pterígio é uma pequena membrana avermelhada na superfície do olho que  avança em direção à córnea.

A causa exata até hoje não é bem conhecida.

Pode ser provocado por fatores hereditários ou ambientais, tendo maior incidência nas regiões tropicais. Sabe-se que provavelmente está relacionado com exposição prolongada ao sol, sobretudo aos raios ultravioletas (UVA e UVB).

Os sintomas principais são irritação, olhos vermelhos, sensação de cisco e fotofobia (sensibilidade à luz).

O tratamento pode ser cirúrgico nos casos em que o pterígio cresce ameaçando chegar a pupila, quando pela mudança na córnea leva a astigmatismos altos, nos casos de irritação frequente ou hiperemia (vermelhidão) constante em que haja motivação estética. Nos casos de menor sintomatologia ou pacientes muito jovens pode ser feito apenas acompanhamento clínico.

Recomendações importantes são proteção adequada dos olhos como uso de óculos escuros e lágrimas artificiais, evitar exposição prolongada ao sol, locais secos e poluídos.

Consulte seu oftalmologista para saber a melhor indicação de tratamento para o seu caso.

Tomografia de coerência óptica (OCT)

5 jun 2012 por Lotten Eyes    8 Comentários    Postado em: Exames

O que é o OCT?
A tomografia de coerência óptica (OCT) é um exame de imagem não invasivo que produz imagens de corte seccional das estruturas oculares in vivo com alta resolução e reprodutibilidade.

Qual o aparelho que está na Lotten?
O aparelho que temos na Lotten é o Cirrus HD – OCT da Zeiss

Vantagens do exame:
- Utiliza tecnologia Spectral Domain, ou seja, excelente resolução e velocidade de escaneamento, permitindo rastrear em poucos segundos a área de estudo;
- Possui imagens 3D;
- Comparação com exames anteriores, sendo possível detectar pequenas alterações inexistentes anteriormente ou pequena melhora;
- É possível capturar imagens com pouca midríase (2mm);
- Podemos avaliar precisamente retina e nervo óptico.
- Nos casos de pacientes que não podem se submeter a exames de contraste, possui a vantagem, em relação à angiografia, de não necessitar de injeção endovenosa para avaliação da retina.

Indicações para exame:

Podemos diagnosticar e acompanhar alterações como: degeneração de mácula, buraco de mácula, edema macular, membrana epirretiniana, retinopatia diabética, tração vítreo – retiniana, distrofias retinianas, entre outras.
É possível fazer análise de progressão do glaucoma e auxiliar no diagnóstico precoce da doença.

Preparo para o Exame:

É necessário dilatar a pupila para realização do exame. O paciente se sentir mais confortável pode levar um acompanhante.

Local de exame:

Lotten Eyes unidade Morumbi

Entrega do Resultado:

O laudo é liberado em até 7 dias. Enviado para unidade mais próxima do paciente.

Dr. Claudio Lottenberg visita o Papa Bento XVI

23 mai 2012 por Lotten Eyes    1 Comentário     Postado em: Notícias
Foto Dr. Claudio Lottenberg e Papa Bento XVI

Prezados pacientes!

Nesse mês de maio, em visita ao Vaticano, tive a oportunidade de encontrar com sua Santidade, o Papa Bento XVI.

Durante a audiência, entreguei a ele, uma pequena lembrança, em formato de uma mão presa a uma haste que é usada nas leituras da Torá, o velho testamento.

Em minhas palavras ao Papa disse que as tábuas da lei foram escritas com as mãos de Deus e, que esta mão , que ali lhe entregava , tinha este simbolismo, pois usada para leitura da Torá, a qual os católicos se referem como sendo o Primeiro testamento, associava algo que temos em comum entre nós : Deus e o Velho Testamento. Enfatizei ainda que ,catolicos e judeus,  somos todos seres humanos e temos  cada vez estar mais unidos. Sua Santidade expressou um sorriso muito afetuoso , comovente, encantador, algo meio inexplicável e, que me remeteu ao encontro que tive há mais de vinte anos com um Rabino dos mais conhecidos e carismáticos em Nova York, Lubavitch Rebe. Senti proximidade com Deus sendo que desta vez apoiado por um líder que não de minha religião.

Fui educado em uma escola cristã. Nas missas de final de ano, era o único aluno que não se ajoelhava por não ser católico. Portanto, aprendi desde o inicio de minha educação , que era diferente na forma de me relacionar com Deus mas sobretudo aprendi a ser semelhante ao conviver junto a  diversidade que para mim se cristalizou em um sentimento que me permite preservar meus princípios e valores, mas mantendo a interlocução entre os demais como sendo um instrumento de vida. Não sei ou não imagino o que possa ser a vida sem o dialogo e julguei que deveria socializar com todos vocês este momento.

O Brasil é um país que soube como construir um caminho de respeito à diversidade. O entendimento entre os diferentes é o próprio exercício do viver e o sentido da compreensão em relação ao próximo é a própria aceitação do convivio em uma comunidade.

O Papa fez menção ao bom convivio que os católicos mantêm com os judeus na America Latina . Lamentou atos discriminatórios e reconheceu que hoje a própria igreja é alvo de radicalismos que afrontam o direito às escolhas individuais.

O meu desejo ao ouví-lo era de poder compartilhar toda esta energia com todos vocês.

Claudio Lottenberg

Novo Endereço – Unidade da Lotten Eyes no Morumbi e Conceição

16 mar 2012 por Lotten Eyes    4 Comentários    Postado em: Notícias

Novo Endereço: Unidade Morumbi

Avenida Morumbi, 4704

Morumbi, São Paulo – SP

Novo Endereço: Unidade Conceição

Avenida Dr. Hugo Beolchi, 445

Conceição, São Paulo – SP

Fone: (11) 3085-0540

Cuidados com os olhos no verão

22 fev 2012 por Lotten Eyes    2 Comentários    Postado em: Cuidados com a visão

Nessa época do ano é muito importante lembrarmos-nos de proteger e cuidar de nossos olhos.

A exposição aos raios solares aumenta a chance de doenças na retina e de catarata precoce. A Degeneração Macular Relacionada à idade é uma causa importante de piora da qualidade de vida das pessoas de mais idade e pode ser prevenida com o uso de óculos escuros de boa qualidade (que tenham proteção UVA e UVB).

Óculos de Sol - Proteção para seus olhos no verão

Além disso, a exposição excessiva pode causar queimaduras oculares, com sensação de ardor, lacrimejamento e olho vermelho.

Vale lembrar que a exposição não precisa ser direta como quem faz kitesurf ou empina pipa, mas quem surfa ou esquia na neve também está sujeito ao reflexo do Sol na superfície.

Estão comuns queixas de corpo estranho, como areia, folhagens ou poeira. Nesses casos o melhor é não coçar os olhos, pois se o corpo estranho está alojado atrás da pálpebra o coçar pode machucar mais. Lave os olhos com água corrente e se ainda assim o incomodo persistir mantenha o olho fechado e procure um especialista.

Os consultórios e pronto-socorros costumam ver um aumento nos casos de conjuntivite nessa época, para se prevenir evite levar as mãos aos olhos sem lavá-las antes. Dificilmente não contaminamos de outra forma que no seja com nossas próprias mãos.

Dr. Hallim Feres neto

Oftalmologista

CRM: 117.127

-